11-3077-3647

11-98330-0227

PRÓTESES PENIANAS

Centro de Excelência em Implantes de Próteses Penianas (infláveis, maleáveis e articuláveis), como tratamento da disfunção erétil (impotência sexual) não responsiva a tratamentos clínicos.

Trata-se de um Centro Especializado e de Referência em Implantes de Próteses Penianas e reconstruções penianas, que recebe pacientes de todas as partes do Brasil e também do exterior.

É frequentemente indicado por profissionais médicos e centros urológicos nacionais e internacionais, inclusive para casos mais complicados e diferenciados.

O Dr. Paulo Egydio, urologista e andrologista, é internacionalmente reconhecido como um dos maiores especialistas da atualidade em implantes de próteses penianas (infláveis, maleáveis e articuláveis), envolvendo ou não reconstruções penianas e também em correções de curvaturas penianas (doença de Peyronie e pênis curvo do jovem). Importante ressaltar que o próprio Dr. Paulo faz questão de atender o paciente do início ao fim do tratamento (desde a consulta, avaliação, exames, retornos, tratamentos com medicamentos ou cirúrgico, cirurgia e pós-cirurgia). Com este atendimento personalizado e diferenciado, o paciente tem a segurança de que está sendo cuidado o tempo todo pelo mesmo médico, referência neste tipo de problema.

A taxa de sucesso no implante de próteses penianas, principalmente no caso das próteses infláveis, está intimamente ligada à experiência e habilidade do profissional médico-cirurgião nestes tipos de cirurgias.

Dr. Paulo Egydio é um especialista de reconhecimento internacional, com grande experiência em implantes de próteses penianas (de todos os tipos) e reconstruções penianas, inclusive com experiência adquirida no exterior (nos Estados Unidos) em sua especialização no "Center for Sexual Function - Cleveland Clinic Foundation - USA", um dos centros urológicos de maior reconhecimento internacional.

Dr. Paulo Egydio já realizou mais de 2.000 cirurgias de implantes de próteses penianas, de todos os tipos, em pacientes de todas as partes do Brasil e também do exterior, inclusive casos mais complexos e diferenciados envolvendo reconstruções penianas.

O Dr. Paulo tem o menor índice de intercorrências (problemas) em implantes de próteses penianas, segundo os próprios fabricantes internacionais de próteses penianas.

O Centro conta com uma equipe multidisciplinar altamente qualificada para um atendimento completo, de qualidade e diferenciado em todas as áreas do Centro (atendimento telefônico, agendamento de consultas, atendimento ao paciente com sigilo e salas de espera individuais, ajuda nos trâmites burocráticos dos convênios, agendamento de cirurgias, orientações, reservas de hotéis, etc).

Implantes de próteses penianas

Para os casos de pacientes com disfunção erétil de origem orgânica (física) que não se adaptem ou não apresentem resultados satisfatórios com os métodos de tratamentos clínicos, existe ainda reservado para estes casos a opção do implante de prótese peniana (maleável, articulável ou inflável), que é um procedimento seguro e eficiente, com alto índice de satisfação do casal.

O implante da prótese peniana é feito internamente, não ficando nada aparente externamente. E também não há alteração na vida sexual do homem em relação a libido, desejo, ejaculação, orgasmo. A função da prótese peniana é proporcionar uma rigidez adequada ao pênis para a realização da atividade sexual.

É um procedimento seguro e eficiente. As cirurgias, na maioria das vezes, são realizadas com anestesia local e sedação (para o paciente dormir durante o procedimento - como se fosse uma endoscopia), além de serem minimamente invasivas e de rápida recuperação. A alta pode ser no mesmo dia ou no dia seguinte e o paciente já poderá voltar às atividades normais (trabalhar, estudar, etc), exceto atividades físicas (por cerca de um mês).

A taxa de sucesso no implante de prótese peniana, principalmente no caso das próteses infláveis, está intimamente ligada à experiência e habilidade do profissional médico-cirurgião nestes tipos de cirurgias.

Dr. Paulo Egydio é um especialista de reconhecimento internacional, com grande experiência em implantes de próteses penianas (de todos os tipos) e reconstruções penianas, inclusive com experiência adquirida no exterior (nos Estados Unidos) em sua especialização no "Center for Sexual Function - Cleveland Clinic Foundation - USA", um dos centros urológicos de maior reconhecimento internacional.

Dr. Paulo Egydio já realizou mais de 2.000 cirurgias de implantes de próteses penianas, de todos os tipos, em pacientes de todas as partes do Brasil e também do exterior, inclusive casos mais complexos e diferenciados envolvendo reconstruções penianas.

Para aqueles que residem fora de São Paulo (outra cidade/estado/país) e precisam fazer tudo numa só viagem (redução de custos, não faltar ao trabalho, sigilo, etc), marcamos uma consulta e deixamos uma cirurgia pré-agendada para o mesmo dia ou dia seguinte. Caso na consulta e avaliação seja diagnosticado que o problema tem indicação de implante de prótese peniana, a cirurgia poderá será realizada.

Tipos de Próteses Penianas

O implante de prótese peniana é um procedimento cirúrgico seguro e eficiente, com alto índice de satisfação do casal, onde são colocadas estruturas cilíndricas de silicone no interior dos corpos cavernosos do pênis, de modo a proporcionar um estado de rigidez peniana adequado para a atividade sexual.

A escolha do tipo de prótese deve incluir algumas considerações, como:

- Condição médica
- Estilo de vida
- Preferência pessoal
- Custos

Existem vários tipos de próteses penianas:

- Maleáveis (semi-rígidas)
- Articuláveis 
- Infláveis de 2 volumes
- Infláveis de 3 volumes


Maleáveis (semi-rígidas)

As Próteses Penianas Maleáveis são constituídas por filamentos de uma liga metálica envolvidos por silicone biocompatível, permitindo uma rigidez e maleabilidade satisfatória do pênis, de modo que o pênis possa permanecer para baixo ou para o lado (na posição "normal") ou na posição adequada para o ato sexual.

Pelo fato de ficarem em estado semi-rígido de forma contínua, há uma certa dificuldade ocasional em ocultá-la em certas ocasiões, como por exemplo, no uso de sunga em piscinas e praias.

Articuláveis

Este é mais um tipo de prótese à disposição para o tratamento da disfunção erétil não responsiva a tratamentos clínicos. O implante peniano articulável oferece aos pacientes um pouco mais de facilidade de posicionamento e ocultação do que o maleável, mas ao mesmo tempo possui um custo bem maior.

Infláveis

As próteses penianas infláveis disponíveis no mercado são as mais reconhecidas no mundo, das empresas americanas AMS e Coloplast, fabricadas nos Estados Unidos sob rigoroso controle de qualidade.


Infláveis de 2 Volumes

As Próteses Penianas Infláveis de 2 Volumes são constituídas por dois cilindros infláveis conectados a um reservatório, que possui um dispositivo para o funcionamento da prótese. Neste tipo de prótese, o dispositivo ("bombinha")/reservatório poderá ser acomodado em qualquer ponto da bolsa escrotal.

Os cilindros de silicone biocompatíveis implantados no interior dos corpos cavernosos do pênis são preenchidos com líquido para produzir a ereção. Após o ato sexual, utiliza-se uma manobra pressionando o pênis para baixo por alguns segundos para o retorno do liquido à "bomba", retomando a flacidez. A prótese é um "sistema hidráulico" implantado cirurgicamente, não ficando nada aparente. Quando uma ereção é requerida, basta apertar o dispositivo implantado no escroto.

A maior vantagem dessas próteses é a aparência (que fica natural aos olhos, dificultando que a percebam). Proporciona excelente rigidez.

Prótese Inflável AMS Ambicor

Infláveis de 3 Volumes

As Próteses Penianas Infláveis de 3 Volumes são constituídas por dois cilindros infláveis conectados a um dispositivo ("bombinha") e a um "reservatório". Neste tipo de prótese o dispositivo ("bombinha") poderá ser acomodado em qualquer ponto da bolsa escrotal. Os cilindros de silicone biocompatíveis implantados no interior dos corpos cavernosos do pênis são preenchidos com líquido para produzir a ereção. Após o ato sexual utiliza-se uma manobra de apertar o dispositivo implantado na bolsa escrotal para o retorno do líquido ao reservatório, retomando a flacidez. A prótese é um "sistema hidráulico" implantado cirurgicamente, não ficando nada aparente. Quando uma ereção é requerida, basta ativar o sistema apertando-se um dispositivo implantado no escroto.

A grande vantagem dessas próteses é a aparência, que fica natural aos olhos, de forma que dificilmente alguém a perceba. São as que deixam o pênis mais próximo do "natural" quando em estado flácido, sendo as menos perceptíveis de todas as próteses. Proporciona excelente rigidez.

COLOPLAST (Coloplast Titan OTR e Coloplast Titan Narrow-Base)

Coloplast Titan OTR

Prótese inflável de 3 volumes com dispositivo especial de "poros" para penetração de antibióticos, que apresenta uma segurança a mais minimizando o risco infeccioso, principalmente para casos de pacientes diabéticos e de pacientes com doenças que levam à baixa resistência do organismo.

Possui um exlusivo revestimento "Resist" (de Polivinilpirrolidona – PVP), que associado ao "Bioflex" (material muito durável, resistente e menos propenso a formações aneurismáticas), absorve e difunde os antibióticos da escolha do cirurgião, reduzindo a fixação de bactérias na superfície da prótese e aumentando a resistência às infecções.

Este modelo possui ainda um dispositivo especial de válvula "Lockout" que evita o refluxo e a possibilidade do insuflar involuntário dos cilindros.

Novo Sistema OTR ("ONE TOUCH RELEASE"), que traduzindo significa "único toque para desinflar" (bastando um simples aperto num botão especial desenvolvido para isso), permitindo maior praticidade e conforto ao paciente após a realização do ato sexual.

Coloplast Titan Narrow-Base

Prótese peniana inflável de 3 volumes com dispositivo especial de "poros" para penetração de antibióticos, que apresenta uma segurança a mais minimizando o risco infeccioso, principalmente para casos de pacientes diabéticos e de pacientes com doenças que levam à baixa resistência do organismo.

Possui um exlusivo revestimento "Resist" (de Polivinilpirrolidona – PVP), que associado ao "Bioflex" (material muito durável, resistente e menos propenso a formações aneurismáticas), absorve e difunde os antibióticos da escolha do cirurgião, reduzindo a fixação de bactérias na superfície da prótese e aumentando a resistência às infecções.

Este modelo possui ainda um dispositivo especial de válvula "Lockout" que evita o refluxo e a possibilidade do insuflar involuntário dos cilindros.

A diferença para a prótese Coloplast Titan é que a Coloplast Titan Narrow-Base possui cilindros com diâmetro pouco menores, para casos selecionados de pacientes com cicatrizes, fibroses e/ou estenoses no pênis e/ou casos de pênis com diâmetros menores dos corpos cavernosos, que justifiquem utilizar este modelo.

3 Volumes AMS Série 700 (AMS 700 CX, AMS 700 CX com Inhibizone, AMS 700 CXR com Inhibizone e AMS 700 LGX com Inhibizone)

 

AMS 700 CX

Os cilindros das próteses infláveis AMS são feitos de silicone biocompatível. Apresentam um tratamento de superfície com uma especial redução do desgaste do revestimento "Parylene" que aumenta a confiabilidade e durabilidade dos cilindros.

AMS 700 CX com Inhibizone

A prótese peniana inflável de 3 volumes AMS 700 CX também é disponibilizada com revestimento de "Inhibizone" (associação de antibióticos).

Ela é idêntica à sem o revestimento de antibióticos, porém apresenta uma segurança a mais com relação ao risco de infecção, principalmente para casos de pacientes diabéticos e de pacientes com doenças que levam à baixa resistência do organismo.

AMS 700 CX com Inhibizone

A prótese peniana inflável de 3 volumes AMS 700 CXR é praticamente idêntica à 700 CX, com a diferença de que possui cilindros com diâmetro pouco menores, para casos selecionados de pacientes com cicatrizes, fibroses e/ou estenoses no pênis e/ou casos de pênis com diâmetros menores dos corpos cavernosos, que justifiquem utilizar este modelo.

Este modelo é disponibilizado no Brasil somente com revestimento de "Inhibizone" (associação de antibióticos), apresentando uma segurança a mais com relação ao risco de infecção, principalmente para casos de pacientes diabéticos e de pacientes com doenças que levam à baixa resistência do organismo.

 

AMS 700 LGX com Inhibizone

A prótese Inflável de 3 volumes também é disponibilizada no modelo "LGX" ("Length and Girth Gain", que traduzindo significa "Ganho em Comprimento e Diâmetro").

Este modelo possibilita o ganho tanto no comprimento quanto no calibre (diâmetro) dos cilindros da prótese, possibilitando que eles aumentem em até 20% quando a prótese é insuflada, segundo informações da própria empresa fabricante da prótese.

Este tipo de prótese peniana é disponibilizada com o novo sistema "Momentary Squeeze", que facilita o ato de desinsuflar a prótese, bastando um simples aperto num botão especial desenvolvido para isso.

Para o Brasil, este modelo é disponibilizado somente com "Inhibizone" (revestimento de antibióticos), sendo uma segurança a mais para minimizar o risco infeccioso, principalmente para casos de pacientes diabéticos e de pacientes com doenças que levam à baixa resistência do organismo.

Considerações importantes sobre a escolha do tipo de prótese

Importante frisar que a escolha do tipo de prótese deve incluir algumas considerações, como condição médica, estilo de vida, preferência pessoal e custos.

Muitos pacientes questionam se a prótese de maior custo seria a melhor. A escolha do tipo de prótese deve incluir várias considerações, ou seja, não somente o custo, mas também condição médica, estilo de vida e preferência pessoal, como descrito acima. Não quer dizer que a prótese de maior custo é necessariamente a melhor para o paciente. É uma questão bem relativa a escolha do tipo de prótese para cada caso.

Temos pacientes com boa condição financeira que acabam optando pela prótese maleável por ser mais prática e não exigir habilidades manuais para manuseá-la. Assim como também temos pacientes que não têm muitas condições financeiras, mas fazem um esforço para implantar o modelo inflável por questão de discrição - maior naturalidade aos olhos em estado flácido (geralmente pacientes com menos idade têm esta preocupação), de rigidez ou por problemas orgânicos de enchimento de sangue no pênis (disfunção venoclusiva importante) em que a prótese maleável não resolveria satisfatoriamente o problema.


Troca de Próteses Maleáveis por Infláveis

É possível a troca de uma prótese maleável por uma inflável. É um procedimento relativamente simples, com alta até no mesmo dia. Uma avaliação é fundamental. A troca costuma se dar em algumas situações:

» Quando o paciente implantou uma prótese maleável e, com o passar do tempo, devido à problemas orgânicos (ex: arteriais, venosos, neurológicos), acaba diminuindo o enchimento sanguíneo no pênis e, por consequência, mantendo um pênis fino. Nestas situações, pode-se trocar a prótese maleável por uma inflável para melhorar a qualidade da rigidez e calibre do pênis, além de dar uma flacidez (maior naturalidade e discrição) ao pênis quando desinsuflada.

» Quando o paciente implantou uma prótese maleável e, com o passar do tempo, percebe que não é exatamente o que queria (por questão de discrição, rigidez, etc) e deseja substituí-la por uma inflável.

» Quando o paciente gostaria de ter implantado uma prótese inflável e acabou implantando uma prótese maleável por questão de custo e, com o passar do tempo, estando melhor financeiramente, decide trocá-la por uma inflável.

Casos diferenciados

Dr. Paulo Egydio tem sido referência em reconstruções penianas e implantes de próteses penianas, inclusive para casos mais complexos (complicados) e diferenciados, que são freqüentemente indicados por profissionais médicos e centros urológicos nacionais e internacionais. Algumas situações de casos diferenciados:

» Quando o paciente implantou uma prótese peniana com um profissional médico que não tinha experiência em implantes de próteses penianas, principalmente os modelos infláveis, e precisa fazer uma nova cirurgia para reimplante de prótese (ex: próteses de tamanhos incorretos, próteses implantadas incorretamente, comprometimento dos corpos cavernosos, etc).

» Casos de pacientes com doença de Peyronie (curvatura peniana adquirida), com deformação importante do pênis e o profissional médico implantou a prótese peniana sem corrigir a deformidade.

» Casos de reimplantes de próteses penianas que necessitam de experiência em reconstruções penianas para poder implantar os cilindros novamente.

Casos em que houve redução do tamanho do pênis por traumas/fibroses no pênis ("doença de Peyronie")

Cirurgia de alongamento da face curta do pênis ("Técnica de Egydio"), objetivando a máxima recuperação possível do tamanho do pênis.

A doença de Peyronie, conhecida também como deformidade peniana adquirida, pode se manifestar através de curvatura, afinamento e redução do tamanho do pênis, provocadas por traumas/fibroses no pênis.

A redução do tamanho do pênis será tão mais acentuada, dependendo da localização e extensão do problema.

A curvatura e/ou perda de tamanho do pênis ocorre porque uma membrana (chamada de túnica) com menor elasticidade do que deveria ter provoca o seu repuxamento (retração).


As técnicas cirúrgicas anteriores empregadas para a correção da curvatura no pênis levavam à diminuição do pênis, pois se retirava parte da membrana da face longa do pênis curvo até igualá-la à curta (reduzindo o lado longo do penis torto até deixá-lo do tamanho do lado curto). Assim, resolvia-se um grande problema, porém o paciente não ficava satisfeito pelo motivo da redução do tamanho do pênis.

A técnica cirúrgica desenvolvida pelo Dr. Paulo Egydio (conhecida internacionalmente como "Egydio´s Procedure" ou "Técnica de Egydio") possibilita o alongamento do lado curto do pênis torto até deixá-lo do tamanho do lado longo. Com esta técnica consegue-se o máximo possível em tamanho peniano em um procedimento cirúrgico reconstrutivo de correção de curvatura peniana.

Esta técnica consiste em se fazer uma secção na membrana (túnica), cuja forma muda para cada caso em particular, a fim de eliminar o repuxamento peniano. Nestes casos a membrana encontra-se menor do que deveria ser. Ao colocarmos o pênis na posição reta, ficará faltando uma parte da membrana, o que é corrigido com a colocação de um enxerto que permite que a túnica "cresça" novamente, envolvendo-o. Este enxerto é feito com uma membrana já pronta, que não provoca rejeição, o que evita mais uma cirurgia para sua obtenção.

O Dr. Paulo Egydio utiliza esta técnica cirúrgica, de amplo reconhecimento internacional, desde 1998, com grande sucesso e satisfação dos pacientes, permitindo que inúmeros jovens e adultos tenham um desempenho sexual normal. Esta técnica possibilita a correção de diferentes tipos de curvatura e afinamento no pênis.

Há casos em que a própria doença leva à diminuição da elasticidade do pênis como um todo, sendo um lado mais do que o outro. Nestes casos, com o emprego das técnicas cirúrgicas anteriores (diminuindo o lado longo até deixá-lo do tamanho do lado curto) a diminuição será ainda maior, ou seja, a própria diminuição do pênis como um todo ocasionada pela própria doença e ainda a diminuição provocada pelo emprego das técnicas cirúrgicas anteriores que levam à diminuição.

Com a técnica desenvolvida pelo Dr. Paulo Egydio, alongando-se o lado curto do pênis até deixá-lo do tamanho do lado longo, consegue-se o máximo possível de recuperação do tamanho peniano em um procedimento cirúrgico reconstrutivo de correção de curvatura no pênis, podendo em alguns casos alongar inclusive o lado longo através da "secção" circular da túnica e alongar o pênis no limite do feixe de nervos e vasos.

A mesma cirurgia também pode ser empregada na curvatura peniana nos jovens (pênis curvo do jovem).

A taxa de sucesso no tratamento destes casos está diretamente ligada a um bom diagnóstico, com a avaliação do problema em todas as suas dimensões. É de grande importância a experiência do médico acerca do assunto, tanto para se chegar ao melhor diagnóstico, quanto para indicar e realizar o melhor tratamento, que deverá ser individualizado para cada paciente. Recebo pacientes de todas as partes do Brasil e também do exterior com este problema.


Os diferenciais e vantagens desta cirurgia

» O procedimento é seguro e com desconforto mínimo.

» Possibilita uma rápida recuperação. É possível corrigir com anestesia local e sedação (para dormir durante o procedimento), com possibilidade de alta do hospital até no mesmo dia dependendo do horário da cirurgia. O retorno às atividades habituais (trabalho e/ou estudo), exceto atividades físicas, tem sido possível na maioria dos casos em 1 a 2 dias.

» Com a técnica desenvolvida pelo Dr. Paulo Egydio ("Técnica de Egydio"), alongando-se o lado curto do pênis torto até deixá-lo do tamanho do lado longo, consegue-se o máximo possível de recuperação do tamanho peniano em um procedimento cirúrgico reconstrutivo de correção de curvatura peniana.

» A cicatriz é discreta, semelhante à da fimose. O Dr. Paulo Egydio utiliza fio transparente e absorvível para o fechamento, com sutura semelhante à da cirurgia plástica, não necessitando a retirada dos pontos.

» Quando o paciente apresenta disfunção erétil (impotência sexual), esta pode ser tratada e, se tiver boa resposta aos medicamentos, poderá então ser feita somente a cirurgia da correção da curvatura peniana.

» O Dr. Paulo Egydio evita, ao máximo, o implante da prótese peniana. A prótese peniana é indicada quando o paciente tem problema de ereção associado à curvatura peniana, não responsiva aos tratamentos clínicos convencionais ou caso o exame antes da cirurgia comprove problemas vasculares severos no pênis.

» Nos casos que tenham indicação para implante de prótese peniana, o Dr. Paulo Egydio tem o grande diferencial de fazer a correção da curvatura peniana e o implante da prótese peniana durante a mesma cirurgia. Através de sua técnica cirúrgica a correção da curvatura será feita possibilitando o máximo possível de recuperação do tamanho peniano em um procedimento reconstrutivo de curvatura peniana e aí então, na mesma cirurgia, será feito o implante da prótese peniana com o maior tamanho de prótese peniana possível para o caso.

Somente o implante da prótese peniana, sem a correção da curvatura com o alongamento do lado curto do pênis, não possibilitaria este ganho de tamanho de pênis. Este é um grande diferencial, com o emprego da técnica cirúrgica do Dr. Paulo Egydio ("Técnica de Egydio"), recuperando o máximo possível de tamanho peniano antes do implante da prótese peniana.


Casos complicados de doença de Peyronie com severo encurtamento e afinamento do pênis e disfunção erétil, com ou sem curvatura peniana

OBS: esta técnica cirúrgica também pode ser aplicada em casos selecionados de hipospádia, epispádia e pós cirurgia de prostatectomia radical (retirada da próstata como tratamento de câncer de próstata).

"Técnica Cirúrgica de Egydio" com Utilização de Enxerto Circular, objetivando o ganho máximo de comprimento e diâmetro do pênis.

Em casos diferenciados e complicados de doença de Peyronie associada a severo encurtamento e afinamento do pênis e disfunção erétil, como tratamento para estes casos, quando tiver indicação, podem ser associados a reconstrução peniana com a colocação de prótese peniana, com os objetivos de restaurar o máximo possível do comprimento e diâmetro do pênis, que foi perdido devido a doença, preservando a sensibilidade da glande e orgasmo.

Com a técnica desenvolvida pelo Dr. Paulo Egydio ("Técnica de Egydio"), através de incisão geometricamente determinada na túnica albugínea, alongando-se o lado curto do pênis até deixá-lo do tamanho do lado longo, consegue-se o máximo possível de recuperação do tamanho do pênis em um procedimento cirúrgico reconstrutivo desta natureza, mas mesmo assim pode não ser suficiente para o ganho do máximo de comprimento possível, especialmente quando o lado mais longo do pênis também foi reduzido pela fibrose difusa na túnica.

Nestes casos, o Dr. Paulo Egydio faz uma incisão circular na túnica albugínea permitindo a restauração e ganho do máximo possível do comprimento do pênis, limitada pelo tamanho máximo do feixe neurovascular dissecado.

Esta técnica pode ser utilizada mesmo em casos em que há somente o encurtamento do pênis, sem a curvatura. A inserção de um enxerto é necessária para o aumento do diâmetro e comprimento do pênis.

Com grande experiência nestes tipos de casos, o Dr. Paulo Egydio faz a reconstrução total da túnica, circular e longitudinalmente, objetivando um ganho de comprimento máximo possível e restauração do diâmetro do pênis.

Esta técnica é muito eficaz para reconstruções extensivas do eixo do pênis para corrigir severo encurtamento e afinamento do pênis, resultando em ganho de comprimento máximo do pênis e restauração do contorno corporal e diâmetro, independentemente das características da placa fibrótica formada devido ao trauma peniano e/ou fibroses (cicatrizes internas).

A restauração do comprimento e do diâmetro do pênis é muito importante para a auto-estima e satisfação do paciente.

Esta técnica de incisão única, aplicando os princípios geométricos ("Técnica de Egydio"), é um procedimento padronizado para a correção de diferentes tipos de curvatura peniana, associada ou não com o afinamento da túnica albugínea, proporcionando o ganho máximo do comprimento e restauração do diâmetro do pênis.

A taxa de sucesso no tratamento destes casos está diretamente ligada a um bom diagnóstico, com a avaliação do problema em todas as suas dimensões. É de grande importância a experiência do médico acerca do assunto, tanto para se chegar ao melhor diagnóstico, quanto para indicar e realizar o melhor tratamento, que deverá ser individualizado para cada paciente.

Recebo pacientes de todas as partes do Brasil e também do exterior com este problema.

AGENDAMENTO DE CONSULTAS

11-3077-3647

11-98330-0227

Clique aqui para falar conosco.

criação de site MONTOO · otimização de site EXIBOO